Categorias
Cursos

Curso de Inkscape para arquitetura

Temos o orgulho de anunciar que o Curso de Inkscape para arquitetura já está disponível no nosso canal do YouTube. Assim como aconteceu com o Curso de GIMP para arquitetura, você pode assistir aos vídeos e todas as aulas usando uma playlist. A formação é parte do programa de sete cursos gratuitos oferecidos pelo Solare a partir de um acordo entre a Federação Nacional dos Arquitetos e Urbanistas (FNA) e o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS) em que serão abordados sete softwares: GIMP, de edição de imagens; Inkscape, de edição vetorial; Scribus, de diagramação; Blender, de modelagem 3D e BIM; FreeCAD, de CAD e BIM; QCAD, de CAD 2D; e QGIS, de geoprocessamento.

Mas, o que é o Inkscape e como ele pode ajudar em projetos para arquitetura? Esse é um dos melhores editores de vetores que usam código aberto. Com o Inkscape podemos criar projetos para diversos meios:

  • Impressão
  • Web
  • Mídias sociais

Para ficar mais fácil de entender, podemos comparar o Inkscape com o Adobe Illustrator e Corel Draw. Todos compartilham ferramentas muito semelhantes, com a vantagem para o Inkscape usar como formato nativo um arquivo aberto, que é o SVG [Scalable Vector Graphics ou Gráficos Vetoriais Escaláveis].

O que é abordado no curso? Assim como aconteceu com o GIMP, organizamos o curso em sete aulas com um total de 41 vídeos:

  • Aula 1 – Interface e documentos no Inkscape: Para quem nunca usou o Inkscape antes, essa é a aula mais importante! Aqui você aprende o básico da interface e como criar seus primeiros projetos gráficos.
  • Aula 2 – Ferramentas de desenho: Como qualquer software de edição vetorial, o Inkscape se destaca pela suas opções de desenho. Essa aula é dedicada ao uso dessas ferramentas para ilustração.
  • Aula 3  – Transformação de objetos: Depois de adicionar desenhos em uma prancha, podemos transformações para ajudar posição e rotação desses gráficos.
  • Aula 4 – Criando um layout de projeto: Já pensou em usar o Inkscape para fazer desenhos em escala? Isso é possível e você aprende os passos necessários para realizar esse tipo de desenho nessa aula.
  • Aula 5 – Cores, linhas e textos para projetos: Um desenho técnico simples ainda precisa seguir alguns padrões como diferencias linhas e penas. O Inkscape oferece inúmeras opções para ajustar esses detalhes em desenhos.
  • Aula 6 – Criando uma apresentação para projetos: Com o layout pronto, podemos criar uma prancha padrão ABNT para apresentar o projeto!
  • Aula 7 – Preparando uma prancha para impressão ou web: Depois de adicionar todos os detalhes em um projeto no Inkscape, é preciso escolher um formato para compartilhar seu design. Essa aula aborda as várias opções para compartilhamento.

Como nosso objetivo é oferecer um exemplo para o uso de software livre em projetos de arquitetura, a maioria dos vídeos e aulas usam o contexto do desenvolvimento e apresentação de projetos. O Inkscape não é uma ferramenta de CAD, mas consegue oferecer um ambiente que permite trabalhar bem com layouts, inclusive usando arquivos DWG como base.

Ao final do curso, você terá condições de aproveitar os recursos de um editor especializado em vetores para criar material no formato SVG. Quais as vantagens em usar arquivos SVG?

  • É um formato baseado em texto e pode ser aberto por qualquer software
  • Os arquivos são compatíveis com qualquer navegador e permitem compartilhamento de projetos na web
  • São arquivos vetoriais que suportam impressão em grandes resoluções
  • Como são arquivos baseados em texto, é possível fazer buscas dentro de arquivos SVG. Isso torna o formato ideal para indexar projetos
  • Você pode até mesmo adicionar animação em arquivos SVG!

Esse formato em conjunto com outros padrões abertos estão entre as melhores opções para armazenar as informações dos seus projetos. O primeiro passo para adotar arquivos SVG é conhecer um editor como o Inkscape, e o nosso curso tem como objetivo exatamente oferecer essa primeira experiência.

Uma resposta em “Curso de Inkscape para arquitetura”

Deixe uma resposta